07/04/12

Semana Santa – Tríduo Pascal

Não devem as atuais gerações deixar de respeitar e de manter, na sua peculiaridade religiosa, o precioso e singular património da Semana Maior.
Dos homens e mulheres de Ovar que sentem arder no seu íntimo a chama da fé, bem como dos jovens e crianças, particularmente dos que frequentam as catequeses paroquiais, espera-se uma participação ativa e consciente nestes atos religiosos.

1/4 - 9h30: Bênção e Procissão dos Ramos (a partir do Calvário)

A bênção dos Ramos, após a leitura da entrada triunfal de Jesus
em Jerusalém, aclamado pela multidão

Chegada da Procissão dos Ramos à Igreja Matriz

Missa com crianças, após a Procissão

5.ª feira Santa

Com a presidência do Pároco, e com pregação a cargo de Frei Marcos Dominicano, e a colaboração do Padre Pinho Nunes foi celebrada solenemente em 5.ª feira Santa a Eucaristia da Ceia do Senhor, seguida da Procissão do Ecce Homo (Terro-Terro), a cargo da Fraternidade Franciscana, em que foram transportadas as imagens de Cristo flagelado e coroado de espinhos, do Senhor amarrado à coluna, e do Senhor da cana verde, recordando o julgamento de Jesus no Tribunal de Pilatos. (Devido ao tempo, o seu percurso foi encurtado).


6.ª feira Santa

O cerimonial litúrgico de 6.ª feira Santa, presidido pelo Pároco, com a presença do Padre Pinho Nunes, foi continuado com a Procissão do Enterro do Senhor, em que se incorporaram as Confrarias dos Passos e do Santíssimo (de Ovar e S. João de Ovar), bem como grande número de pessoas a quem coube o encargo de orientar o cortejo e de levar os andores com as imagens do Senhor morto e de Nossa Senhora da Soledade, bem como as diversas crianças com os símbolos da Paixão, sob a orientação de Porfírio Ferreira.

VIA SACRA - OVAR 2012

ENTERRO DO SENHOR - OVAR 2012
A procissão do enterro do Senhor foi estabelecida e expandida em Portugal
nos séculos XV-XVI, por devoção dos fiéis

Leia também o texto do Padre Albano de Paiva Alferes
Enterraram o Senhor na Areia"

Sábado Santo

No Sábado Santo teve lugar a solene Vigília Pascal (21h) com os ritos habituais, incluindo o Batismo de 10 crianças e de duas jovens. Louve-se e agradeça-se o labor do Grupo Coral da Paróquia, que abrilhantou, com o costumado empenho, todas as celebrações da Matriz, sob a regência de Joaquim Neves e a participação do organista António Manuel e de alguns instrumentistas, bem como o trabalho de acólitos e leitores, de zeladores e zeladoras das capelas dos Passos, da Verónica Clara Maia, dos Escuteiros e ainda da Banda Ovarense, da PSP, da Direção dos Bombeiros e de outras entidades e pessoas colaborantes.

Batismos na Vigília Pascal (Sábado Santo)
Foto: FOTO LISBOA

1 comentário:

Anónimo disse...

Obrigada a todos pelo empenho e alegria numa cerimónia que ficará nas nossas lembranças e marca um novo capítulo nas nossas vidas.
Carmen e Vasco