02/04/14

Procissões Quaresmais de Ovar - 2014

Maré de Paz e Bem invade a cidade

Andor da Ordem Terceira
FOTO: Fernando Pinto

O património espiritual e material que Ovar guarda, como um tesouro, na Casa-Museu da tricentenária Fraternidade da Ordem Terceira de São Francisco, soltou-se, exuberante, na tarde esplendorosa de 16 de março, extravasando e enchendo de beleza e de emoção as ruas da cidade. De facto, as expressivas imagens de S. Francisco de Assis e de alguns dos seus seguidores, transportadas nos andores da Ordem, falam da vida e da mensagem singular do Poverello de Assis resumidas no lema “Paz e Bem”, que tem sido, ao longo de oito séculos, um guia seguro de fraternidade entre os homens.

Andor de Santa Rosa de Viterbo
FOTO: Vítor Vaz

As cerimónias tiveram início às 15h00, na Igreja Matriz, sob a presidência do Pároco, tendo Frei Joaquim Aguiar dirigido aos fiéis uma reflexão centrada no episódio da Transfiguração de Cristo, próprio da liturgia daquele domingo, com considerações adequadas às circunstâncias em que viveram os santos cujas imagens ali se encontravam expostas à contemplação de todos, e aos tempos de hoje, em que nos é dado testemunhar, como eles, a nossa fé. Estiveram presentes responsáveis e irmãos das Fraternidades de Braga, Vila do Conde, Azurara, Póvoa do Varzim, Leça da Palmeira, Barcelos, Faria, Vila Real, Penafiel e S. João da Madeira, bem como os Presidentes Nacional, Reinaldo Santos, e Regional do Norte, Vitorino Garcês, e representantes das Autarquias Locais, dos Bombeiros, Misericórdia, Escuteiros e Confrarias (de Ovar, S. João de Ovar e Arada), que muito contribuíram para a excelente imagem e a reconhecida dignidade desta Procissão dos Terceiros ou das Cinzas, que se repete desde há séculos, sendo hoje a única que se organiza anualmente no nosso país.


O Pároco de Ovar, Padre Manuel Pires Bastos, e Frei Joaquim Aguiar
FOTO: Fernando Pinto

A Procissão dos Terceiros na Rua Ferreira de Castro, em Ovar
FOTO: Irmão Edgar

Fraternidade Franciscana de S. João de Ovar
FOTO: Irmão Edgar

Andor de S. Luís Rei de França
FOTO: Vítor Vaz

LEIA A REPORTAGEM
NA EDIÇÃO DE 1 DE ABRIL DE 2014 
DO JORNAL "JOÃO SEMANA"
(com fotos de Fernando Pinto, Vítor Vaz e José Fangueiro)


CLIQUE AQUI
para ver a nossa galeria dos Terceiros
(Procissões de 2011, 2012 e 2013)


Senhor dos Passos resguardado na Matriz

Porque a tarde de 29 de março, quarto domingo da Quaresma, se apresentou incerta, não pôde sair à rua a Procissão do Senhor dos Passos, organizada pela respetiva Irmandade, que vem do séc. XVII. (Há um livro de Eleições da Mesa de 1686 e outro livro que aponta a data de 1582 para início da Irmandade sob a proteção dos Condes da Feira).

Andor do Senhor dos Passos, Ovar
FOTO: Fernando Pinto
Na Igreja Matriz tiveram início, às 15 horas, as cerimónias litúrgicas, presididas pelo Pároco, tendo o Diácono António Poças feito uma reflexão sobre um texto bíblico relacionado com a Paixão de Cristo. Colaborou neste ato religioso o Grupo Sacro do Orfeão de Ovar, que entoou os cânticos habituais “Miserere” e “Bajulans sibi crucem”. Apesar de o cortejo não ter saído para a rua devido às condições meteorológicas, os fiéis resguardaram-se no interior do templo, tendo oportunidade de viverem o ritual religioso e de manifestarem a sua fé e devoção perante as imagens do Senhor dos Passos e de Nossa Senhora das Dores. Marcaram presença na Matriz diversos autarcas e individualidades vareiras, bem como associações religiosas locais. As sete Capelas dos Passos, consideradas Património de Interesse Público, e que carecem de restauro, encontravam-se devidamente enfeitadas, graças aos cuidados das respetivas zeladoras, algumas das quais seguindo o empenho e dedicação de seus antepassados.

P. B.

PRÓXIMAS CELEBRAÇÕES: 4 e 11/4 - Via Sacra na Igreja; 13/4 - Procissão dos Ramos, às 9h30; 17/4 (5.ª-feira Santa) - Ceia do Senhor, às 20h00, e Procissão dos Fogaréus, às 21h30; 18/4 (6.ª-feira Santa) - Via Sacra na rua, às 7h30, e Celebração da Paixão, às 19h00, e Procissão do Enterro do Senhor, às 20h30; 19/4 (Sábado Santo) - Vigília Pascal, às 21h30; 20/4 (Domingo de Páscoa) - Missas às 7h30, 11h00 e 19h00; saída das cruzes da Visita Pascal, às 14h00.

Sem comentários: