02/08/17

25 de julho - Dia de São Cristóvão, Padroeiro de Ovar


Foram numerosos os paroquianos que no passado dia 25 de julho quiseram prestar a sua homenagem e a sua devoção ao Santo Mártir, São Cristóvão, protege terras vareiras, participando na Eucaristia Solene das 19 horas, presidida pelo Sr. Bispo Auxiliar do Porto, D. António Augusto de Azevedo, acompanhado pelo Pároco, P.e Bastos, por dois sacerdotes que fizeram em Ovar o seu estágio pastoral – O P.e José Silva, pároco na Maia, e que há 25 anos celebrou a sua Missa Nova na nossa Matriz, e o P.e Benjamim, que tem continuado a dar a Ovar a sua prestimosa colaboração pastoral – e ainda o jovem missionário P.e Gregório Valente, natural de São João de Ovar, e o Diácono António Poças, um dedicado e fiel servidor da Igreja, bem como assíduo colaborador do jornal “João Semana”.


Na sua substancial homília o Sr. Bispo referiu as três fases da vida de São Cristóvão que podem servir de referência a uma vida cristã empenhada: a permanente conversão de vida, a disponibilidade para servir o próximo, sem excluir ninguém, e a aceitação das pequenas e grandes cruzes, até, se for necessário, como no caso do nosso padroeiro, o martírio.
Prestaram o seu concurso específico diversos elementos dos setores litúrgicos e dos movimentos da Paróquia, estando o canto coral a cargo do grupo juvenil São Cristóvão. Deram-nos o prazer da sua presença, entre outras individualidades, o presidente da Assembleia Municipal, o vice-presidente da Câmara, o presidente da União de Freguesias de Ovar e o presidente dos Bombeiros Voluntários de Ovar, bem como o escultor Luís Ferreira de Matos, a quem a Paróquia agradece a gentil oferta da escultura do padroeiro, que será em breve fundida em bronze, e que ocupará o lugar próprio na fachada da Igreja, em substituição da imagem que se encontrava no nicho, e que, por necessidade de proteção irá ocupar um lugar condigno no interior da Igreja Matriz.


"Sejamos hoje disponíveis, empenhados, dedicados a tantas tarefas úteis e necessárias para que os outros tenham uma vida mais feliz. Por vezes, podemos ser tentados a tudo aduzir: ao poder, à honra, ao prestígio e aos interesses pessoais, mas, como crentes, neste dia de São Cristóvão, convertamo-nos ao genuíno espírito de serviço." (D. António Augusto de Azevedo, Bispo Auxiliar do Porto)

O escultor Luís Ferreira de Matos, natural do nosso concelho,
é o autor da nova imagem de São Cristóvão



Fotos: Jornalista Fernando Pinto

Sem comentários: