02/07/20

Jornal JOÃO SEMANA - 1 de julho de 2020 - Ovar

Clique na capa 
para aumentar

Se quiser ser ASSINANTE
(jornal em papel ou em PDF, a cores)
envie-nos o seu NOME e MORADA para o nosso e-mail
jornaljoaosemana@sapo.pt
Para mais informações, contactar a nossa redação: 256 574 173

16/06/20

Igreja Matriz de Ovar volta a ter culto

Durante esta fase de desconfinamento mantêm-se as normas aprovadas superiormente para as celebrações na Igreja Matriz de Ovar, que reabriu no passado dia 30 de maio.


Horário das Missas:
- Domingo: 7h30, 11h00 e 18 horas;
- Segundas, quartas, sextas e sábados: 18 horas;
- Terças e quintas-feiras: 7h45.

A Igreja abre 30 minutos antes das celebrações.


Celebrações festivas:
- Dia 19 - Sagrado Coração de Jesus;
- Dia 20 - Imaculado Coração de Maria (na foto);
- Dia 24 - Nascimento de São João Batista.
- Dia 29 - São Pedro e São Paulo.

Jornal JOÃO SEMANA - 15 de junho de 2020 - Ovar


Clique na capa 
para aumentar

"Mãos Solidárias"

Pão dos homens


Neste atribulado tempo de pandemia, propício a maiores dificuldades económicas e dada a urgência em acudir a pessoas carentes, as "Mãos Solidárias" agradecem a preciosa ajuda prestada por instituições e pessoas amigas, que têm permitido fornecer, nas manhãs de segunda a sexta-feira, alimentação a dezenas de pessoas.
Registamos, com o nosso bem-haja, as ofertas diárias recebidas, desde abril, do Su­permercado "Mercadona", as várias embalagens de azeite e óleo de "Manuel Terra S.A." (na foto), a arca frigorífica da Tensai, o frigorífico da Bosch, bem como as ajudas das padarias "Progresso", "Flor de Ovar" e "Flor d’Ávila", da "Nova Arroz", da Cruz Vermelha, do músico Fernando Daniel, do grupo "Ajudar Ovar" e dos voluntários que ao longo da semana ajudam na cozinha e das pessoas generosas que nos vão entre­gando ofertas em espécie ou em dinheiro.


29/05/20

Apelo aos paroquianos

A comunidade de Ovar, da qual somos responsáveis, viu-se confrontada com a pandemia – flagelo universal – que a todos afetou, e naturalmente à Paróquia em particular.
Os serviços da Secretaria e do jornal “João Semana”, tal como a Igreja e as Capelas, estiveram encerrados. Disto veio, naturalmente, a impossibilidade de celebrar os sacramentos habituais, tal como a Eucaristia diária, deixando de contar com os ofertórios das Missas dominicais e com as ofertas da Visita Pascal.
O próprio “João Semana” teve uma quebra de receita nos anúncios publicitários e em editais.
As “Mãos Solidárias”, que funcionam em regime de voluntariado, não pararam a sua atividade com a exigência óbvia de servir cada vez maior número de carenciados, em face da atual situação social (mais de 80 atualmente).

Voluntários do projeto "Mãos Solidárias" preparando o almoço

Os encargos da Paróquia são elevados, com cinco funcionários ao serviço da Secretaria, Jornal e Igreja, e o deficit vai-se avolumando com outras despesas inerentes, sendo as receitas quase nulas, sem hipótese de satisfazer tais encargos.
Por tudo isto, e porque a situação é aflitiva, decidimos dar conhecimento destes factos a todos os paroquianos, confiados em que encontraremos neles a resposta à inesperada crise com que o coronavírus nos desafiou.
Por isso, pedimos a todos os paroquianos – mesmo àqueles que de alguma forma já cooperam solidariamente nas iniciativas paroquiais – que entrem de boa vontade nesta campanha, que fica também aberta aos nossos assinantes e amigos de Ovar.
Estamos cientes de que a lembrança daquele “pedi e recebereis” do Evangelho terá eco nos corações generosos de todos vós.
Pelo Conselho Paroquial, o Pároco, P.e Manuel Pires Bastos

Há a possibilidade de se passar recibo válido para o IRS. Transferência bancária para o IBAN: PT50003520560001440343044.

Orientações da Paróquia de Ovar, a começar a 30 de maio

Matriz de Ovar reabre, mas com regras


Em 30 de maio a Igreja Matriz de Ovar reabriu ao culto, com no­vas regras para a realização da Eu­caristia, de modo a respeitar a se­gurança de todos os participantes.
É obrigatório o uso de másca­ra e higienizar as mãos quando se entra na Igreja. (A entrada faz-se pela porta do lado direito e a saída pela porta contrária).
A Matriz encontra-se com lu­gares marcados e distanciamento definido. (Em família, poderão sentar-se juntos, na ala direita do templo, com afastamento).
Só haverá uma fila para a co­munhão na nave central, dada pelo sacerdote ou ministro extraordinário da comunhão. O peditório é feito à saída da Igre­ja que abre 30 minutos antes da celebração, não devendo haver ajuntamento de pessoas no adro.
Aos sábados a missa é às 18h00, e aos domingos às 7h30, 11h00 e 1800.
Durante a semana há eucaristia às 2.ªs, 4.ªs e 6.ªs-feiras às 18 horas, 3.ªs e 5.ªs-feiras às 7h45. A Igreja está aberta todos os dias das 10h00 às 12h00 e das 14h00 às 16h00.

As capelas continuarão todas fechadas, 
não havendo ali qualquer tipo de culto até indicações superiores.

Haverá na igreja equipas a orientar para que as regras se cumpram. 
Com a colaboração de todos, esperamos que tudo corra bem.

Oiça na rádio AVfm as novas orientações
para a Eucaristia. Clique AQUI.

Intenções de Missas – Mês de junho


Horário: 2.ªs, 4.ªs e 6.ªs-feiras, às 18h00; 3.ªs 3 5.ªs-feiras, 7h45;
sábados, 18h00; domingos, 7h30; 11h00 e 18h00.

1/6 – António Teques e família; José Ribeiro e Maria Emília Tavares; Maria Graça e Manuel Olímpio Godinho da Costa.
2/6 – Guilhermina Valente e família; Joaquim M. Braga da Cruz; Aníbal Freire.
3/6 – Maria José Vinga e família; Manuel Oliveira Cação; Fausta e Carlos.
4/6 – Francelina e filhos; Teresa e Manuel Peúgas.
5/6 – Associados do Apostolado da Oração; Rosa, Manuel Onofre e José.
6/6 – Filhas de Maria; Maria Amélia Lisboa Oliveira e marido.
7/6 – João Maria Matos, esposa e família; Francisco Brandão e José Valente Compadre; Rosa Tarujo.
8/6 – Francisco Ribeiro e família; Alberto Sousa Lamy e filho; José Costa.
9/6 – Ester Gomes.
10/6 – Agostinho Moreira.
11/6 – Francisco, Ana e Manuel.
12/6 – António Augusto de Pinho; António Duarte; José Farraia.
13/6 – Deolinda da Cruz, marido e família; Alberto Cruz; Manuel Tarujo; José Pires de Brito.
14/6 – Aurora Aleixo e marido; António Pinto e Maria do Carmo; José Dias Matos Calor.

12/05/20

Peregrino pelo coração


"Neste maio, Fátima lança-te o desafio de uma peregrinação mais essencial: 
o caminho é interior e poderá levar-te muito longe dentro de ti mesmo, 
ao encontro do santuário do teu íntimo onde Deus está presente para ti. (...)"

Clique AQUI (ou na gravura)
para ouvir os PASSOS DIÁRIOS
no sítio do Santuário de Fátima